CCE indo bem

Esta semana, entre os dias 05 e 08, Marcelo Tosi e Marcio Appel disputam o Internacional – CCI4* Long, em Barroca D´Alva, válido como qualificativa olímpica. O Brasil garantiu a vaga olímpica com a medalha de prata nos Jogos Pan-americanos 2019 e cumpriu o requisito de três conjuntos com dois índices olímpicos (NOC Certificate of Capability) para manter a vaga que tinha prazo até dia 31 de dezembro de 2019.

No primeiro Concurso Completo de Equitação Internacional – CCI3* Short em Barroca D´Alva, em Portugal, valendo como preparação de candidatos a uma vaga no Time Brasil de Salto, o saldo foi positivo. 

Fonte: Olimpíada Todo Dia

Onde hospedar (estabular) seu cavalo
Marcelo Tosi e Starbucks sairam na liderança após a prova Adestramento com 73,52% de aproveitamento equivalente a  apenas 26,5 pontos perdidos (pp), registraram 8 pp no salto (2 faltas) e zeraram o cross com somente 7,2 pp por ultrapassar o tempo concedido.

Marcio Appel e seu Iberon JMen fecharam o adestramento com 61,94%, ou seja, 38,1 pp, zeraram no salto e, assim como no cross country, com somente 5,2 pp por ficar acima da faixa de tempo.

Assim Marcelo fechou em 9º lugar com 41,7 pp e Marcio foi 14º, 43,3 pp entre um total de 53 conjuntos.

Já Ruy Fonseca, que ao lado de Carlos Parro, o Cacá, Marcelo Tosi e Marcio Appel, integrou o Time Brasil medalha de prata no Pan 2019, retornou às competições após a queda que sofreu durante os Jogos em Lima.

Ruy e seu Ballypatrick competiram no CCI2* Short registrando 64,09% no adestramento (35,9 pp) e pista limpa no salto e cross country, também sem faltas e apenas 0,4 po por ficar acima da faixa de tempo. A dupla fechou em 13º lugar totalizando 35,9 pp entre um total de 48 participantes.

Agora, até o dia 01 de junho, os candidatos a vaga no Time Brasil de CCE em Tóquio precisam ter índices em um 5* ou dois em um 4* curto e longo. Lembrando que no Pan, o nível era 3*. As equipes do hipismo na Olimpíada passaram a ter três integrantes cada e um reserva – antes eram 4 titulares e um reserva – e na competição em todas as modalidades do hipismo não existirá mais a possibilidade do descarte de um dos resultados.

Marcelo Tosi
Marcelo Tosi