Clube do Hipismo

Coronavírus: Hermès cancela desfile em Londres e competição anual de hipismo em Paris

A marca francesa de luxo, Hermès, cancelou sua competição anual de salto, Saut Hermès, que seria realizada no Grand Palais, em Paris, de 20 a 22 de março. A medida ocorre após a França proibir reuniões com mais de 1.000 pessoas, como forma de conter a pandemia de coronavírus.

“A maison Hermès adere ao decreto ministerial de 9 de março que proíbe reuniões com mais de 1.000 pessoas. Consequentemente, a 11ª edição do Saut Hermès no Grand Palais, que aconteceria de 20 a 22 de março, está cancelada”, afirmou a marca em comunicado.



Banner Thaty Aulas
Com isso, a marca também anunciou o cancelamento de seu desfile Cruise, uma medida que também foi adotada por grandes nomes do luxo, como Giorgio Armani, Gucci, Max Mara, Prada e Versace.

Criada 2010, Saut Hermès é uma exibição elegante de salto equestre realizada sob o gigantesco teto de vidro do Grand Palais, no centro de Paris. Com 13.500 metros quadrados, a área Nave do Grand Palais é o maior espaço com teto de vidro da Europa.

“No contexto da atual situação excepcional de saúde pública, a Hermès foi obrigada a cancelar o Saut Hermès 2020 no Grand Palais”, acrescentou a marca. No entanto, a grife de luxo reiterou seu “apoio” a todos os cavaleiros e suas comitivas, apenas algumas semanas antes da final da Copa do Mundo da FEI (Fédération Equestre International) e apenas quatro meses antes dos Jogos Olímpicos.

A decisão ocorre poucos dias após o cancelamento do jogo de rugby França x Irlanda, marcado para 14 de março no Stade de France – o maior estádio do país.

“Esta decisão, imposta pela situação atual, não diminui de forma alguma nossa relação com o hipismo nem nosso compromisso com os principais competidores do mundo, a quem convidamos a retornar em 2021. Reunir a comunidade dos entusiastas do hipismo no centro de Paris continua sendo importante para nós”, acrescentou Axel Dumas, CEO da Hermès.

Fonte: Fashion NetWord 

saut hermes 2019
saut hermes 2019