Stephan Barcha com Primavera Montana confirma o favoritismo e fatura seu 1º Brasileiro Senior Top

Stephan Barcha e Primavera Montana no salto sobre o rio (água) (Danilo Schreines)

Sem um único ponto perdido e liderando do começo ao fim, Stephan Barcha, 31, montando Primavera Montana, de apenas 9 anos, faturou seu primeiro título brasileiro Senior Top. A dupla que vem de vitória no GP Internacional Indoor, em 3/10, na Hípica Paulista, prometeu, voltou e cumpriu: sagrou-se campeão no Campeonato Brasileiro Senior Top (rendimento máximo), disputado a 1.50/160m, que terminou nesse domingo, 31/10, na Sociedade Hípica Paulista. 

“É muito tempo trabalhando e lutando por um sonho para chegar nisso. Hoje eu tenho família, trabalho, mas quando eu era era garoto foi difícil. Em 2003, ganhei o Brasileiro Mirim, em 2006, o Brasileiro de Juniores e em 2009 o Brasileiro de Young Riders. Na categoria Senior Top bati na trave algumas vezes (3º em 2020 e vice em 2019) para conquistar o título brasileiro Senior Top e hoje deu tudo certo. Então hoje eu fecho um ciclo de campeonatos nacionais, praticamente ganhando todos títulos do alto rendimento”, comemorou Stephan, que zerou e venceu a 1ª e 2ª prova e também zerou as duas voltas do GP Final. 

“Para chegar aqui nisso precisei de muita gente: meu pai e minha mãe que sempre lutaram muito para me manter no esporte, depois a todos as pessoas que me ajudaram na carreira desde de garoto, primeiros professores, meus técnicos, equipe Chevaux e amigos (assista ao vídeo – clique aqui)“, destacou o campeão, bastante emocionado. “Agradeço por último e não menos importante, ao proprietário da Primavera Montana, José Romero Dias Gomes, que acreditou nesse projeto desde que ela é nova”, acrescentou Stephan.

“Essa égua talvez é um dos melhores cavalos que eu já montei na minha vida. Construo ela de modo muito pensado. Ano passado eu não coloquei ela no Campeonato Brasileiro, por saber que ela é muito nova. Há três semanas, na vitória do GP no Indoor, eu já tinha comentado que o nosso objetivo seguinte era o Brasileiro. Agora é dar sequencia no processo, entender aonde estamos, ir ao Winter Equestrian Festival (EUA) no início de 2022, fazer o nosso melhor, e seguir sonhando, buscar os próximos objetivos: ir bem nos EUA, também temos o Campeonato Mundial ano que vem, se for pra ser, vai ser. Depois o Pan-americano 2023 e a minha grande meta que é Paris 2024”, finalizou o campeão. 

Em excelente fase,  sagrou-se vice campeã a amazona amadora de Brasília Luciana Lossio, 47, com Lady Loisse JMen, conjunto vice-campeão do GP na 50ª Copa São Paulo na Hípica Paulista em 13/6 e campeã do GP da Copa Sabemi no Rio de Janeiro em 12/9, que fechou o campeonato com apenas 5 pontos perdidos: uma falta no primeiro dia, pista limpa na 2ª prova e apenas 1 ponto perdido na 1ª volta do GP final. A destacar que o último título brasileiro senior top de uma amazona foi em 2008 com a amazona Camila Mazza Benedicto e agora ,13 anos depois, Luciana é a primeira vice-campeã.

A caminho do Winter Equestrian Festival

Com os títulos de campeão e vice no Brasileiro Senior Top e dentro dos índices técnicos estabelecidos para Confederação Brasileira de Hipismo, Stephan e Luciana com suas respectivas montarias estão convocados a defender o Brasil no Winter Equestrian Festival no início de 2022, nos EUA, com as despesas de viagem e de seus cavalos a serem custeadas pela Confederação Brasileira de Hipismo. Ainda resta uma vaga na seletiva do ranking Senior Top para o Winter Equestrian Festival que pode ser alcançada por somente dois conjuntos de acordo com os critérios técnicos (número de faltas): Marcello Ciavaglia montando GR Garuda, que garantiu duplo zero do GP Final do Brasileiro e venceu a prova com o tempo mais rápido na 2ª volta, fechando o Brasileiro com 8 pp na 3ª colocação e Flávio Grillo com Lorentino JMen, 4º colocado no GP Final e classificação Final do GP, totalizando 9 pp. O evento nos EUA vale como observatória para as seletivas na Europa para formação do Time Brasil no Mundial em agosto de 2022, em Herning, na Dinamarca. 

Os percursos do Campeonato Brasileiro Senior Top na Sociedade Hípica Paulista foram armados pelo suíço Gerard Lachat e o técnico do Time Brasil de Salto Philippe Guerdat, também veio e especialmente para a competição. Para Guerdat, o maior desafio para os conjuntos em atividade no país, “é cumprir os percurso dentro do tempo concedido com velocidade de 400 metros por minuto. É preciso mais atenção ao ritmo e traçado, fechar as curvas, pois esse é um dos requisitos em GPs de alto rendimento no Exterior.”

Brasileiro Senior Top 2021

Campeão Stephan Barcha / Primavera Montana – FHBR – 0 ponto perdido (pp)
Vice Luciana Lossio / Lady Loisse JMen – FHBR – 5 pp
3º Marcello Ciavaglia / GR Garuda – FEERJ – 8 pp
4º Flavio Grillo / Lorentino JMen – FHBR – 9 pp
5º Raphael Machado Leite / Filou Império Egípcio – FPH – 11 pp
6º Cleison Botelho / Dom da Essencia – FPH – 21 pp

Colaboração: Carola May

Advertisements