Eduardo Menezes, em seu 1º indoor na Europa após 10 anos, é vice no GP do Concurso 5* Equita Lyon, na França

Eduardo Menezes com H5 Chaganus a caminho do vice no GP5 de Lyon (Luis Ruas)

No domingo, 31/10, teve Brasil no placar do GP, a 1.60m, no 27º Concurso Longines Equita Lyon, França. O cavaleiro olímpico Eduardo Menezes montando H5 Chagaus, dupla integrante da equipe medalha de ouro no Pan Lima 2019, foi vice campeão no GP World Cup Qualifier, 1.60m, com 300 mil euros em jogo. Dos 40 conjuntos, 11 foram ao desempate no percurso idealizado por Gregory Bodo. Eduardo, 41, e Chaganus, um filho de Chacco-Blu e Carthago de 13 anos, assumiram a liderança com percurso rápido e rápido, em 35s14, colocando pressão na forte concorrência.

Ao final o suíço Marcus Fuchs, 29, atual nº 3 do ranking mundial, campeão europeu 2021 por equipes e vice individual, apresentando Chaplin partiu com tudo e sem faltas em 24s50 garantiu essa que foi a sua terceira vitória no tradicional GP. Completou o pódio na 3ª colocação, fechando a rodada dos conjuntos sem faltas, em 35s87, Max Kühner, alemão que defende a Austrália, montando Eletric Blue P.

“Eu fui tão rápido quanto eu achei que podia, mas senti que perdi tempo depois do duplo. Na volta indo para vertical eu segurei para um lance a mais, vi que eu tinha deixado uma porta aberta ali. Mas o Chaganus está saltando ótimo e pus pressão nos demais concorrentes. Ao final o Martin jogou tudo e acabou sendo mais rápido que eu”, destacou Eduardo, após a conquista que teve importância especial.

“Para mim foi o primeiro Indoor na Europa depois da final do Copa do Mundo de 2011. Esse também foi meu primeiro concurso maravilhoso em Lyon e fico muito feliz de poder montar o Chaganus da maneira que ele merece e conseguir um resultado positivo”, acrescentou Eduardo, que esse ano com Chaganus computa a vitória no GP5* de St Tropez com Chaganus , GP 3* Knokke e o vice GP de 1 milhão em Ocala, nos EUA.

Eduardo, atualmente baseado na Euro9pa, segue até o final do ano em atividade na Europa e de janeiro a abril, no Winter Equestrian Festival 2022, nos EUA, tradicionalmente com forte participação brasileira.

Resultado completo

Colaboração: Rute Araujo

Advertisements